Como evitar a invasão de seu prédio

Como evitar a invasão de seu prédio: Roubos a condomínios tornam-se cada vez mais comuns. Criminosos especializados exploram brechas no sistema de segurança e entram em edifícios, com estratégias sofisticadas. Os dados do Sindicato de Habitação (Secovi) mostram que, este ano, dez condomínios já foram invadidos no Estado, enquanto em 2004 o número de arrastões não passou de 30. Para orientar síndicos, moradores e profissionais de edifícios, este guia traz algumas dicas que podem prevenir as invasões. São algumas sugestões simples de consultores em segurança que podem ser desenvolvidas em qualquer condomínio. Há também indicações de empresas especializadas em segurança e reportagens.

O desafio de tornar os prédios seguros: Cada vez mais os condomínios da Capital estão cercados por câmeras, cercas elétricas, portões duplos e vigilância 24h. Especialistas em segurança são unânimes ao afirmar que aparatos tecnológicos não bastam para impedir o ataque aos edifícios. Apenas a cooperação entre profissionais / prestadores de serviço, condôminos e síndicos, auxiliada por instalações físicas e equipamentos de segurança eficientes, é capaz de diminuir a fragilidade dos prédios. 
Alarmes e sensores apenas avisam as pessoas do perigo. O essencial é que moradores e profissionais / prestadores de serviço do condomínio adotem procedimentos seguros e saibam como agir em situações de risco. Estudadas pelos criminosos, as “brechas” do sistema de segurança – descuidos dos moradores, equipamentos com mau funcionamento ou profissionais / prestadores de serviço despreparados – facilitam os assaltos, por isso, o mais importante é adotar medidas preventivas no condomínio e fora dele.



Deixe uma resposta

Orçamento pelo WhatsApp